topo

Postado em 07 de Julho às 14h34

Dia da Indústria Gráfica: Webinar com Luiza Trajano e programação de qualidade em 4 eventos virtuais

ABIGRAF/SC - Associação Brasileira da Indústria Gráfica Regional Santa Catarina O Dia da Indústria Gráfica teve um grande ciclo de eventos realizado pela ABIGRAF Nacional e pela ABTG, com apoio das regionais de São Paulo,...

O Dia da Indústria Gráfica teve um grande ciclo de eventos realizado pela ABIGRAF Nacional e pela ABTG, com apoio das regionais de São Paulo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Espírito Santo e Minas Gerais e com o patrocínio da AFEIGRAF e Expoprint.

Quase mil pessoas participaram dos 4 eventos realizados ao longo do dia. A programação começou pela manhã e foi aberta pelo presidente da ABTG Carlos Suriani, que lembrou o momento difícil por conta da pandemia “Mas é preciso falar também de coisas positivas. Esse dia é um presente que as regionais da ABIGRAF, a ABTG e a ABIGRAF Nacional proporcionam aos gráficos de todo o país. Precisamos falar de inovação e tecnologia para que possamos sair mais fortes dessa crise”. Sidney Anversa Victor, presidente da ABIGRAF Nacional, lembrou da sua trajetória e da importância da entidade para as empresas de todo o país. “Eu nasci gráfico. Minha empresa vai completar 50 anos. Passei por todas as etapas da evolução da nossa indústria e posso dizer com muito orgulho que tive o prazer de viver a indústria gráfica e acompanhar todo o progresso que tivemos”.

O primeiro evento foi o webinar “Indústria Gráfica 4.0, comandado por Jorge Maldonado. Economista com especialização em projetos de implementação de novas tecnologias, Maldonado tem 25 anos de atuação nos mercados brasileiro e da América Latina. Exerce atividades como representante e diretor da Associação dos Agentes Fornecedores de Equipamentos e Insumos para a Indústria Gráfica e da ExpoPrint 2022, considerada a maior feira de impressão das Américas. Também é professor e consultor da ABTG para os escopos de atuação sobre automação e indústria 4.0. Com ele também participaram outros especialistas no assunto, Oziel Branchini, integrante da diretoria executiva da ABTG, graduado em Engenharia Química e com larga experiência em soluções para as indústrias gráficas e de papel e papel cartão, com foco em reduções de custos, aumento de eficiência global, redução de impactos ambientais, reduções de consumos específicos e aumento de performance dos processos produtivos. Ismael Guarnelli, um dos profissionais mais bem informados da atualidade no setor gráfico brasileiro e da América Latina, que é empresário, editor, diretor de entidades de classe e organizações de diferentes setores e proprietário da APS Feiras e Eventos de Negócios, possui um portfólio invejável de eventos, entre eles, as feiras ExpoPrint Latin America (considerada uma das maiores do mundo), a ConverExpo Latin America, a FESPA Brasil, o Photoshop Conference, a Conferência Intercontinental de Flexografia, realizada anualmente em parceria com a ABFlexo e o Congresso Internacional de Tecnologia Gráfica, também realizado anualmente, em parceria com a ABTG. Miguel Troccoli, economista formado pela Faculdade Escola de Comércio Álvares Penteado e Gestão Estratégica pela FGV de São Paulo, trabalha no ramo gráfico desde 1970, tendo iniciado sua carreira nas clicherias da família. Iniciou a sua carreira na área comercial na extinta “Gutenberg Máquinas e Materiais Gráficos”, onde permaneceu por mais de 30 anos. É reconhecido nos segmentos pré-impressão, impressão, acabamento e, principalmente, processos em flexografia. O economista Paulo Faria também participou do evento. Jorge Maldonado aproveitou a oportunidade para anunciar o lançamento do seu livro “Indústria Gráfica 4.0”, que estará disponível no site da ABTG a partir de julho. O Webinar e a produção do livro tiveram o apoio da ABTG, ABIGRAF, AFEIGRAF, APS, ABFlexo e ABIEA.

O segundo evento do dia, com a presidente do Magazine Luiza e do grupo Mulheres do Brasil, a empresária Luiza Helena Trajano, foi promovido pelo Grupo de Líderes da ABIGRAF Nacional em conjunto com o SINDIGRAF – SP, ABIGRAF – SP e ABTG. Levi Ceregato lembrou quando Magazine Luiza inaugurou 3 lojas no mesmo dia em Ribeirão Preto há 25 anos e empresa dele foi contratada para produzir o material de divulgação dos eventos. Levi lembrou que Luiza Trajano é conhecida por acreditar em inovação, ser corajosa e extremamente competente, e citou José de Alencar para ilustrar a presença dela no Dia da Indústria Gráfica, que classificou como um presente. “O sucesso nasce do querer, da determinação e persistência em se chegar a um objetivo. Mesmo não atingindo o alvo, quem busca e vence obstáculos, no mínimo fará coisas admiráveis”, citou o presidente do SINDIGRAF – SP.

Durante uma hora Luiza Trajano contou um pouco da história de transformação do Magazine Luiza, das apostas planejadas que fez e da importância do comércio digital na vida das empresas. “As gráficas nunca vão acabar. Mas elas têm que mudar, se atualizar, se modernizar e inovar”. Luiza lembrou que o pulo do gato da empresa dela foi conseguir unir os varejistas com o mesmo propósito. “Os varejistas entenderam o momento de mudança e a força do comércio digital. Com objetivos em comum conseguimos essa união e o resultado foi fantástico para todos os envolvidos”.

Quando perguntada sobre o segredo do sucesso, Trajano afirmou que só vence na vida quem tem propósito, quem tem objetivos sociais que vão além do lucro. “Nós investimos em propósito. Magazine Luiza teve coragem para lançar campanhas para combater a violência contra a mulher, coragem para lançar um programa de traines só para negros. Estamos há 25 anos na lista de melhores empresas para trabalhar, investimos em diversidade sexual, promovemos igualdade de gênero e raça na empresa, abrimos mão de lucro fácil para não abrir mão do propósito. Quem não tiver propósitos não vai sobreviver daqui há 5 anos. Lucro sem propósito não é sustentável”.

O evento prosseguiu durante a tarde, com o webinar “Cor consistente na Indústria de Impressão”, a cargo de Bruno Mortara, da CEC Brasil e que contou com a participação de Carlos Suriani, Fabian Ruiz e Pablo Bolatti. À noite, encerrando a programação, aconteceu o painel “O Futuro da Indústria Gráfica”, com Leonardo Carraretto, da WIS Educação, Sandra Rosalen, da Universidade Wuppertal (Alemanha) e Luiz Silveira, da Scuadra Embalagens. Fábio Gabriel, Cristine Samorini, Edson Benvento, Roque Noshang, Evandro Volpato e Rodrigo Velloso também participaram do evento.

Para o presidente da ABIGRAF – SP, João Scortecci, o evento foi um sucesso. Ele lembra que por conta da pandemia o foco não foi comemorar, e sim buscar ajudar os empresários em várias frentes diferentes, como inovação, conteúdo técnico, perspectivas de futuro e inspiração. “A programação foi extensa e muito interessante, com conteúdos destinados à diferentes públicos e as lições inspiradoras de Luiza Trajano”, afirmou.
A programação completa do Dia da Indústria Gráfica pode ser acessada no canal ABIGRAF SINDIGRAF no YouTube.

    Veja também

    Two Sides promove segunda fase da campanha Love Paper17/02 A ONG Two Sides está promovendo a segunda fase da campanha Love Paper. Com três novas peças de comunicação, destaca os aspectos positivos de sustentabilidade dos produtos de celulose, com foco no consumo de energia, na origem renovável da matéria-prima e no meio ambiente. O Sindigraf-RS e a Abigraf-RS apoiam inteiramente a campanha de conscientização......
    Nova campanha de Two Sides Brasil05/02/20 Two Sides começa o ano de 2020 com o lançamento da campanha #PapelNãoDesmata, para reforçar a nossa principal mensagem, a ser comunicada amplamente. Com mensagens complementares, vamos informar também que papel, papelcartão e papelão são oriundos de fonte......

    Voltar para Notícias